sábado, 18 de julho de 2020

Modelo morre após ser baleada a caminho da academia no norte do Brasil, confira aqui! |Últimas Notícias do Brasil!


Modelo morre após ser baleada a caminho da academia no norte do Brasil, confira aqui! |Últimas Notícias do Brasil!
Foto / reprodução




Pará - A modelo Andressa Vilhena, de Abaetetuba, 22 anos, foi vítima de tentativa de feminicídio, na manhã desta quinta-feira (16), naquela cidade, quando se dirigia a uma academia.

Ela caminhava pela Rua Tiradentes, no Bairro Algodoal, quando dois homens desceram de um automóvel Chevrolet Classic e dispararam conta a jovem.






Informações preliminares, porém, ainda não confirmadas pela polícia, dão conta de que um dos atiradores é o ex-companheiro da moça.


Após o atentado, Andressa foi socorrida por populares que chamaram o Samu. Ela foi removida para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), onde está internada em estado considerado grave. Câmeras de monitoramento da área gravaram toda a ação e a Polícia Civil vai requisitar as imagens para tentar identificar os atiradores.

Consta, ainda que a modelo é filha de um policial militar. Ela tem um filho e, em seu perfil, na rede social Facebook, deseja a todos boas vibrações e energias positivas.





ATUALIZAÇÃO
Andressa Vilhena não resistiu aos ferimentos causados pelos tiros, no abdômen e na cabeça, e morreu ainda pela manhã. Levantamentos iniciais apontam como suspeito do feminicídio o ex-namorado dela. A informação, no entanto, ainda não foi confirmada. Ela tinha 22 anos, trabalhava como modelo e deixou um filho.

Nova nuvem de gafanhotos se aproxima do Brasil e deixa o país em alerta

Há algumas semanas, os brasileiros acompanharam a aproximação de uma nuvem de gafanhotos, mas felizmente os insetos não invadiram o país. Só que uma outra nuvem desses insetos está se aproximando novamente e, desta vez, é pelo Paraguai.



Desde o último domingo (12), que esta nova nuvem de gafanhotos vem sendo acompanhada pelas autoridades do país vizinho e também do Brasil, pois ninguém quer ser surpreendido com esta invasão indesejada.

O Serviço Nacional de Saúde e Qualidade Agroalimentar (Senasa) da Argentina foi quem deu a notícia desta nova nuvem de insetos, e o Brasil já está em alerta. Por enquanto, não há um perigo real dessa praga chegar aos brasileiros, mas principalmente os agricultores e quem mora na divisa com o Paraguai acompanha atentamente o caso.

E há motivos de sobra para ficar preocupado, pois o fato do surgimento desta nova nuvem de gafanhotos mostra que esses insetos estão em uma quantidade enorme circulando por países vizinhos e a qualquer momento podem chegar ao Brasil.

As autoridades brasileiras estão trabalhando com a hipótese de que tal situação não acontece por acaso, mas até o momento ninguém descobriu o que poderia estar ocasionando o problema.

Esses gafanhotos estão a cerca de 300 quilômetros da fronteira com a Argentina, país que já sofreu muito com a primeira onda. Agora esses gafanhotos estão em uma quantidade tão grande que se estende por mais de 10 quilômetros quadrados.



Nenhum comentário: