sábado, 22 de agosto de 2020

Mãe flagra marido estuprando a filha, e o mata, confira aqui! |Últimas Notícias do Brasil!


Mãe flagra marido estuprando a filha, e o mata, confira aqui! |Últimas Notícias do Brasil!




Condenada a prisão mulher que matou o homem que maltratava a filha. Partilhe para que saibam o que é a justiça


Segundo informações, a mulher já havia apresentado queixas de violência doméstica contra o marido, que teriam sido ignoradas pelas autoridades, o que a levou a fazer justiça pelas próprias mãos.

Segundo o El Mundo jornal nacional argentino, Paola Naiaretti, de 38 anos, teria sido presa pelo crime de assassinato em primeiro grau, depois de ter encontrado o marido maltratando a sua filha.


Paola foi presa juntamente com a sua filha e acusada de assassinato e a sua filha e vitima acusada de ser cúmplice.

Ao que consta depois de ter descoberto, Paola Naiaretti, cheia de raiva, terror e coragem, enfrentou-o e acabou por o matar com vários golpes.

De acordo com a acusação ao confrontar o homem, a mulher “foi buscar uma faca de 15 centímetros” e desferiu vários golpes nele.

Ela esperou pela chegada das equipas de emergência médica e das autoridades ao local para confessar o crime, reforçando o porquê de ter cometido o ato de fúria. A mulher admitiu ter matado o homem com facadas na cabeça, no peito e nas costas.

O homem foi posteriormente levado para o hospital mas não sobreviveu aos ferimentos.

Os resultados da autópsia revelaram que a faca da cozinha entrou no corpo do homem, sendo que quatro facadas foram mais profundas e uma delas teria sido fatal.


A irmã de Paola afirmou à imprensa local que Alberto maltratava a sua irmã, não a deixava dormir e a ameaçava de morte.

Segundo informações dos vizinhos, a mulher já havia apresentado queixas de violência doméstica contra o marido, mas que teriam sido ignoradas pelas autoridade.

A publicação, que foi bastante compartilhada nas redes sociais, pede para que o leitor se questione se a Justiça é correta ou não…

Ainda houve um movimento para a libertação de Paola.

O caso ganhou proporção e no país já se discute que rumo deverá ter a pena de Paola Naiaretti. A opinião pública divide-se: se por um lado há quem defenda que a mulher deve ser condenada por homicídio, por outro, muitos são aqueles que consideram que a pena de prisão de Paola deva ser atenuada por esta ter agido em defesa da filha.

Fica a questão de como é possível punirem severamente esta senhora quando muitos casos de abuso infantil ficam impunes.

Infelizmente vivemos num mundo em que a justiça raramente é feita a não ser por nossas mãos.


O que faria nesta situação? Deixaria nas mãos de um juiz?

Ou acredita que a justiça virá a todos pela mão de Deus?


fonte: Mceara

9 comentários:

Yara Bulhosa disse...

Deixaria pela mãos de Deus!!!

Unknown disse...

Deixaria na mão de Deus ela e mãe pediu ajuda e não teve solta ela e a filha.

Unknown disse...

Ela deve ser solta, fez isso pra defender a filha e a ela própria.

Unknown disse...

Deixe ela solta . Ela se defendeu em legitima defesa....

Unknown disse...

Essa justiça e justiça do capeta so se for pois se fosse eu faria o mesmo ja que a justiça nao cumpriu com seu trabalho em dar proteçao a mãe que ja tinha sido vitima e a filha por sofrer na mao desse desgraçado aff que justiça e essa #justiça de merda

Unknown disse...

Puta que pariu quanta hipocrisia de pessoas dizer que deixa nas mãos de Deus, quero ver se a a acontecer com vcs,parabéns pra vc mamãe do ano

Unknown disse...

De maneira nenhuma elas devem ser presas...foi em legítima defesa que ela agiu..dessa forma...podem por favor as soltarem....

Unknown disse...

Já que as autoridades não tomaram providências,ela fez o que as autoridades não fizeram

Unknown disse...

Eu faria o mesmo, se as autoridades não toma providências