sábado, 19 de setembro de 2020

App de relacionamento bane a palavra 'oi' de sua plataforma, confira aqui! | UltimasNoticiasDoBrasil..com



App de relacionamento bane a palavra 'oi' de sua plataforma, confira aqui! | UltimasNoticiasDoBrasil..com

Imagem: TecMundo/JReis

“Oi, sumida” é considerado o fundo do poço das cantadas – e parece que só mandar um “oi” também não ajuda. Depois que uma pesquisa comprovou sua inutilidade, o aplicativo de paquera Inner Circle baniu o “oi”, dentro da campanha #MaisQueOi que, segundo a empresa, vai dar aquele empurrão na conversa de quem não faz ideia do que dizer para causar uma boa impressão.

"Nossa missão é dar aos solteiros a inspiração e as ferramentas para atualizarem sua linguagem na hora da conquista e fazer com que mais pessoas se esforcem em suas primeiras mensagens", disse em comunicado o fundador e CEO do Inner Circle, David Vermeulen.

Quando o usuário mandar um “oi”, o aplicativo vai substituir por um texto alternativo – o Inner Circle fala em “cantada engraçada, atrevida ou maluca - porque qualquer coisa é melhor do que um ‘oi’ vazio”.

                                 Twitter/Zacarias do Senhor/Reprodução 


O aplicativo frisa que não vai acessar o conteúdo das mensagens trocadas no app. A ferramenta programada para a campanha só vai identificar a palavra "oi" e suas variantes "ei" e "olá" enviadas no primeiro contato entre os usuários.

Sobre a pesquisa
Segundo a pesquisa feita pela Opinium, realizada entre 1 e 7 de setembro com 1.003 homens e mulheres no Brasil (solteiros e abertos a um relacionamento), os resultados surpreenderam. A taxa de retorno para quem começa uma conversa com um "oi" é de apenas 30% (mas 5% preferem a palavra).

O conteúdo do primeiro contato é o que determina se a conversa vai passar da saudação (para 78% das mulheres e 65% dos homens). Mesmo que uma em cada quatro mensagens dos brasileiros comece com um "oi", para 70% dos entrevistados isso é sinal que o outro lado não está muito interessado em dar match.

Entre os usuários, começar uma conversa de maneira atraente é mais difícil para os homens (37%) do que para as mulheres (29%) – mas ser o primeiro a fazer contato não é problema para 68% dos brasileiros.


fonte: tecmundo

Nenhum comentário:

Aviso Legal

Qualquer prática ilícita ou com a publicação de conteúdo que viole direitos autorais, por favor nos informe escrevendo para ultimasnoticiasdobrasil.com@domainsbyproxy.com

Pesquisar este blog