domingo, 4 de outubro de 2020

Covid-19: estudo aponta qual sintoma é tido como chave para identificar doença; diagnóstico pode salvar vidas, confira aqui! | UltimasNoticiasBrasil..com


Covid-19: estudo aponta qual sintoma é tido como chave para identificar doença; diagnóstico pode salvar vidas, confira aqui! | UltimasNoticiasBrasil..com






A pandemia do coronavírus segue assolando a população mundial com o registro de números elevados de novos casos e óbitos em decorrência da doença. Apesar de ter diferentes sintomas e gravidade de pessoa para pessoa, uma pesquisa identificou um sintoma como quase “padrão” que pode ajudar um paciente a identificar se ele contraiu o vírus.

Em um estudo realizado, a University College London apontou que quatro em cada cinco pacientes que testaram positivo para a doença, a perda de olfato foi notabilizada. Em 40% desses casos, essas pessoas não apresentaram nem tosse e nem febre.

Os números da pesquisa foram publicados na revista especializada “PLOS Medicine“. Uma dos cientistas responsáveis pela pesquisa, Rachel Batterham pede que a perda olfativa seja colocada como sintoma chave da doença. 

Defesa
O levantamento ainda constatou na bateria de testes realizados com pacientes, que pessoas que testaram positivo para a Covid-19 e que apresentaram perda de olfato tinham quase três vezes mais probabilidade de ter a defesa contra o vírus no comparativo aos que perderam o paladar. 
 
 
Mesmo o estudo possuindo algumas limitações, como a falta de um grupo de controle, os cientistas acreditam que essas descobertas podem auxiliar nas políticas de combate à Covid-19. 

Isto porque, a maioria dos países não recomenda o isolamento e testes diagnósticos baseados na perda aguda de olfato e/ou do paladar. 

“Este estudo sugere que a dependência excessiva da tosse e da febre como principais sintomas pode ser defeituosa e que há uma necessidade urgente de reconhecer a perda do olfato globalmente como um sintoma chave desta doença”, dizem os cientistas.

De acordo com o último balanço das autoridades sanitárias, a Covid-19 já registra mais de 34,3 milhões de casos positivos da doença. O índice de morte ultrapassa a casa de 1 milhão. No Brasil, terceiro país mais afetado na escala global, mais de 144 mil pessoas morreram.

fonte:  Via I7News