quinta-feira, 15 de outubro de 2020

Mulher é presa por matar namorado e forjar suicídio dele, confira aqui! | UltimasNoticiasBrasil..com


Mulher é presa por matar namorado e forjar suicídio dele, confira aqui! | UltimasNoticiasBrasil..com



Sergio Junior Barbosa da Silva, de 31 anos, foi morto com um tiro na cabeça. Uma mulher foi presa preventivamente em Campo Novo do Parecis suspeita de ter matado o namorado, o segurança de banco Sergio Junior Barbosa da Silva, 31, e forjado o suicídio da vítima.

Ele morreu após levar um tiro na cabeça dentro de casa. O homem chegou a ser levado para atendimento em um hospital, mas não resistiu. Meire dos Santos, de 41 anos, foi indiciada por homicídio.

Inicialmente, Meire contou aos policiais que o companheiro havia atirado contra si depois de uma discussão entre o casal. Porém, a polícia desconfiou dessa versão. Sergio e Meire moravam juntos havia aproximadamente sete meses.

“Tem uma foto tirada dele ainda com vida, depois do tiro, na cama. Essa foto mostra a arma ‘guardada’ entre o braço e a costela da vítima”, disse a investigadora Daiana Vieira Padilha, que explicou que a cena não condizia com um suicídio. Uma avaliação prévia do médico legista do caso também indicou que o caso era de assassinato. 

Além disso, depois da morte, familiares, amigos e colegas de trabalho procuraram a polícia para dizer que Sergio era uma pessoa alegre, “temente a Deus”, que era pouco provável que tivesse tirado a própria vida e que já tinha relatado ter sido agredido pela companheira, que não aceitava a separação.

Depois, laudo do caso comprovou que Sergio não atirou contra si. A mulher foi presa pela Polícia Militar quando chegava em casa, por volta das 16h de terça-feira, e levada até a delegacia do município. Ao ser ouvida pela polícia, ela manteve a versão de suicídio, mas o depoimento teve contradições, entre elas o horário da suposta briga que culminou no disparo, segundo a investigadora do caso.

A arma usada no crime, um revólver calibre 38, foi apreendida e ainda passa por perícia. A Polícia Civil aguarda a liberação de uma vaga no presídio feminino de Nortelândia para encaminhar a indiciada.


fonte: Repórter MT

Nenhum comentário:

Aviso Legal

Qualquer prática ilícita ou com a publicação de conteúdo que viole direitos autorais, por favor nos informe escrevendo para ultimasnoticiasdobrasil.com@domainsbyproxy.com

Pesquisar este blog