sábado, 21 de novembro de 2020

Abandonado por ser ‘feio demais’ foi adotado por uma família milionária; veja 30 anos depois


 
Foto / reprodução

Abandonado por ser ‘feio demais’ foi adotado por uma família milionária. Veja como ele está agora

Infelizmente, muitas pessoas são muito agarradas a fisionomia.

Com isso, a história de hoje é a dos pais de um menino que foi abandonado logo após o nascimento.

Mas, qual o motivo, você deve estar se perguntando?

Então, o menino nasceu com uma aparência diferente devido a uma síndrome mais conhecida na medicina como a síndrome do Treacher Collins.

O que esta síndrome?  Os portadores não possuem os ossos malares, e dessa forma, apresentam os olhos caídos.

Além disso, o menino também nasceu com problemas de audição e então, teve implantado um aparelho no osso.

O menino se chama Jono Lancaster e atualmente tem 26 anos de idade.

Jono Lancaster é portador da síndrome de Treacher Collins.

Porém, esta síndrome afeta apenas 1 a cada 10 mil bebês na Grã-Bretanha.

Com isso, a BBC resolveu gravar um documentário para o programa “Love Me, Love My Face” (“Ame-me, ame minha face”) contando a história de superação deste jovem.

Além disso, o documentário expôs um pouco sobre esta síndrome que é pouco conhecida pelas pessoas, mas que tem como característica a inexistência de músculos no rosto.

E foi justamente por isso, que dois dias após o nascimento dele, os pais o abandonaram sem registro e nome.

Porém, uma mulher de uma família muito rica da Inglaterra ao saber do menino que havia sido rejeitado foi em busca dele para adotá-lo.

Com isso, ela demonstrou que a aparência tanto importa e fez com que este menino tivesse uma infância muito feliz.

Mas, é claro que ele enfrentou problemas, especialmente na adolescência, mas a mãe adotiva o ajudou a superar todas as situações com muito amor e carinho.

Atualmente, ele está casado com com Laura Riachardson.

Mas, ele não esqueceu do amor que a mãe adotiva deu e dessa forma, resolveu ajudar aqueles que passam problemas similares.

Dessa forma, ele ministra palestras de auto-ajuda e resiliência em diversas partes do mundo.

Ele disse que tem um grande sonho de conhecer os pais biológico, mesmo sabendo que foi abandonado por eles.

Contudo, a família que o adotou, assim como também os amigos dizem que os pais verdadeiros não merecem sequer conhecer Jono.



Com informações do site brasilacontece