terça-feira, 17 de novembro de 2020

PM é morto a tiro após participar de festa na Baixada Fluminense


 
Segundo familiares, David da Silva Santos teve pertences e a arma roubados. O sargento do Batalhão de Choque deixou um filho de dez anos

Um sargento da PM foi assassinado com um tiro na nuca quando voltava para casa após participar de uma festa no domingo (15) em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.

De acordo com a PM, o militar foi encontrado por equipes do 39°BPM (Belford Roxo) baleado e sem vida.

Segundo familiares, David da Silva Santos, de 36 anos, teve a arma, o celular, um cordão e o carro roubados.

O policial trabalhava no BPChq (Batalhão de Polícia de Choque) desde 2008. Ele deixou um filho de dez anos. Ainda não há informações sobre o sepultamento.

A Polícia Civil informou que fez uma perícia no local do crime. Os agentes da DHBF (Divisão de Homicídios da Baixada Fluminense) apuram o caso e buscam informações que ajudem nas investigações.

Com informações do site: timesbrasilia