sábado, 26 de dezembro de 2020

Jovem é morto pelo padrasto ao ser impedido de entrar em casa devido à Covid-19


 


Foto: Reprodução
Suspeito alegou que companheira, mãe da vítima, é do grupo de risco; além disso, enteado teria envolvimento com drogas

Um jovem de 18 anos foi assassinado pelo padrasto, nessa quinta-feira (24), durante uma briga de família em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte. Devido à pandemia do Coronavírus e a ter pessoas da casa no grupo de risco, o suspeito, de 53 anos, impediu o enteado de entrar no imóvel, o que ocasionou o início da confusão.


 

De acordo com o boletim de ocorrência da Polícia Militar, policiais foram acionados no bairro Novo Riacho. Quando chegaram ao endereço encontraram Michel Douglas Morais da Silva já sem vida com perfurações provocadas por faca na região do tórax. O padrasto aguardava a polícia para se entregar.

A mãe e a irmã da vítima contaram aos policiais que o jovem não morava com a família e chegou à casa alterado. O padrasto estava dormindo em um dos quartos, escutou os gritos e levantou. Também em conversa com os militares, ele contou que a companheira, mãe de Silva, é obesa e, com medo da Covid-19, não aceitou que o enteado entrasse. Além disso, o jovem teria envolvimento com drogas e pequenos furtos.


 

Silva teria dito que o padrasto "não mandava em nada", pegou um azulejo e foi para a cima do homem. Outros familiares tentaram apartar a briga, mas não conseguiram. Ainda não versão do suspeito, para se defender das agressões, ele foi até a cozinha, pegou uma faca e efetuou os golpes.

O corpo do jovem foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) da capital, e o padrasto foi levado para a Delegacia de Plantão de Contagem. 


Com informações do site: macajubaacontece