quinta-feira, 10 de dezembro de 2020

Velório de idoso é interrompido e corpo é recolhido pela polícia


 
Foto / reprodução

O velório do lavrador Alfredo Machado, de 64 anos, foi interrompido pela chegada da polícia na comunidade Massalina, zona rural de Cocal (a 268 km de Teresina). O corpo foi retirado do caixão e levado para o Instituto Médico Legal (IML) em Parnaíba, para passar por perícia, ao saber que se tratava de uma morte suspeita. 

A principal hipótese da morte do idoso é que ele tenha se afogado em um reservatório de água, no quintal de casa, após sofrer um ataque epilético. No entanto, a polícia deverá investigar o fato.
 

De acordo com o blog do Coveiro, a morte aconteceu na manhã desta terça-feira(08), quando ele ficou sozinho em casa e estava enchendo o reservatório com uma mangueira. A família informou que ele sofria de crises convulsivas, mesmo tomando remédio. Um familiar o encontrou morto por volta das 9h, ao retornar para casa. 

Um vizinho acionou a polícia, que quando chegou ao local, o velório já estava acontecendo e teve que ser interrompido para o recolhimento do corpo. Os peritos criminais também fizeram uma investigação do local do acidente e pegou depoimento dos familiares, que estavam abalados com a situação.
 

A Delegada Regional de Cocal, Daniella Dinali, informou ao Cidadeverde.com que está investigando a causa da morte e aguardando o resultado do exame cadavárico. 

O corpo foi levado para o IML, onde passou por autópsia e devolvido para a família ainda na noite de ontem.  



Com informações do site cidadeverde - Caroline Oliveira