sábado, 23 de janeiro de 2021

Bandidos matam cadeirante ao confundi-lo com o irmão


 
Foto: Reprodução
Um bandido foi preso e outros dois conseguiram fugir após um cerco que terminou em perseguição, tiroteio e acidente de trânsito. O incidente ocorreu após o trio invadir uma casa e matar um homem com vários tiros. O fato aconteceu na noite desta quinta-feira (21) na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). A vítima do homicídio foi morta por engano, pois os criminosos a confundiram com um irmão que seria o verdadeiro alvo dos assassinos.

O crime de morte aconteceu por volta de 23h30, quando três homens desembarcaram de um veículo no bairro Angorá, no Município de Itaitinga, à procura de um desafeto. Eles invadiram uma casa em busca de matar o homem, mas acabaram assassinando o irmão dele, identificado por Paulo Jorge da Silva, deficiente físico e cadeirante.

De acordo com a Polícia, ao perceber que sua casa seria invadida pelos homens armados, Paulo tentou se esconder, mas foi encontrado atrás de um guarda-roupa e executado com vários tiros de pistola na cabeça. Os criminosos teriam praticado um erro de execução, pois os irmãos eram muito parecidos fisicamente. O morto não tinha envolvimento com crimes. Já o irmão, que era caçado, seria ligado ao tráfico de drogas na região do Angorá.

Fuga e prisão
Logo após o crime, a Polícia Militar foi avisada do caso por moradores. Uma patrulha do 15º BPM (Eusébio) localizou o veículo em fuga com os assassinos e iniciou uma perseguição em alta velocidade. No trajeto, os bandidos acabaram sofrendo um acidente. O carro capotou. Mesmo assim, dois suspeitos conseguiram fugir atirando contra os policiais em um matagal.

O terceiro suspeito foi preso, sendo identificado como Lucas Guimarães da Silva, 19 anos. Dentro carro capotado a PM encontrou quatro armas de fogo, sendo três pistolas e uma submetralhadora, além de munições, carregadores e três celulares.


Com informações: Jornalista Fernando Ribeiro