segunda-feira, 15 de fevereiro de 2021

Cancelamento do Carnaval é punição de Deus? A polêmica publicação do ministro do Turismo


 
Foto: Reprodução
Gilson Machado Neto, ministro do Turismo, fez uma postagem nas redes sociais que tem causado polêmica. Ele disse que o cancelamento do Carnaval esse ano seria um castigo de Deus. Neto manipulou duas imagens para mostrar que uma das maiores festas do país é uma ‘blasfêmia’ contra Jesus.

A postagem traz duas fotos, sendo que em uma aparece aquele desfile onde um homem usa uma fantasia de diabo e saiu arrastando Jesus, na outra foto aparece o sambódromo do Anhembi sem ninguém.

Mas o que chama a atenção é que a primeira imagem tem a data do ano passado, enquanto a outra seria de 2021.

A ideia de tudo isso é mostrar às pessoas que o cancelamento do Carnaval nada mais foi do que um castigo de Deus e o ministro procurou deixar clara essa interpretação ao escrever na legenda: “Dá para entender quem manda? Ou tem que DESENHAR? Não sou contra o Carnaval, sou músico. Sou contra tripudiar e blasfemar o nosso Pai”.

De acordo com o portal Yahoo, houve uma alteração na primeira foto para criar essa ideia de que devido a essa ‘blasfêmia’ contra Jesus, Deus teria enviado um castigo. É que a foto do ‘diabo’ arrastando Jesus é de um desfile que aconteceu em 2019 e foi realizado pela Gaviões da Fiel.

E a Gaviões fez questão de rebater a postagem do ministro do Turismo, avisando a todos que o sambódromo está vazio por causa da pandemia e que a imagem na verdade é de 2019, pedindo a Gilson Machado Neto para não ficar divulgando fake news.

Muitos internautas também criticaram o ministro por mentir sobre uma festa que todo ano movimenta bilhões de reais e garante o sustento de milhares de famílias em todo país.

Com informações do site: i7news