sexta-feira, 19 de fevereiro de 2021

Homem é preso por suspeita de matar cachorro afogado em Copacabana


 
Foto: Reprodução
Rio - Um homem foi preso, na quinta-feira, suspeito de matar o próprio cachorro afogado, na Praia de Copacabana, na Zona Sul do Rio. A Guarda Municipal foi acionada por testemunhas que relataram que um casal tentava forçar um cachorro, da raça buldogue francês, a entrar na água.
Ainda segundo os banhistas, o homem parecia estar alcoolizado e insistiu que o animal entrasse na água. O cachorro acabou morrendo afogado. 

O casal foi abordado pelos guardas e o homem foi preso por maus tratos ao animal, levado para a 12ª DP (Copacabana).

De acordo com o Recreio Presente, um banhista percebeu os maus tratos ao animal e chamou os policiais. Equipes foram ao local e resgataram a cadelinha. O nome da presa não foi divulgado.
O caso foi registrado na 16ª DP (Barra da Tijuca). Na delegacia, uma policial se sensibilizou com o ocorrido e adotou a cadela.


Com informações do site: Rio - Um homem foi preso, na quinta-feira, suspeito de matar o próprio cachorro afogado, na Praia de Copacabana, na Zona Sul do Rio. A Guarda Municipal foi acionada por testemunhas que relataram que um casal tentava forçar um cachorro, da raça buldogue francês, a entrar na água.
Ainda segundo os banhistas, o homem parecia estar alcoolizado e insistiu que o animal entrasse na água. O cachorro acabou morrendo afogado. 

O casal foi abordado pelos guardas e o homem foi preso por maus tratos ao animal, levado para a 12ª DP (Copacabana).

De acordo com o Recreio Presente, um banhista percebeu os maus tratos ao animal e chamou os policiais. Equipes foram ao local e resgataram a cadelinha. O nome da presa não foi divulgado.
O caso foi registrado na 16ª DP (Barra da Tijuca). Na delegacia, uma policial se sensibilizou com o ocorrido e adotou a cadela.

Fonte: O Dia