quinta-feira, 18 de fevereiro de 2021

Mulher morre e marido fica em estado grave após consumo de produto que você pode ter em casa


 
Foto: Reprodução
A artesã Rosineide Dorneles Mendes, de 50 anos, morreu na segunda-feira (15), depois de ficar alguns dias internada no Hospital Dario Silva, em Serra, no Espírito Santo. O marido dela, o cozinheiro Willis Pena de Oliveira, também de 50 anos, está hospitalizado em estado grave.

O casal começou a passar mal depois de ingerir óleo de semente de abóbora que compraram pela internet. De acordo com a família, o produto que promete ajudar na formação de hormônios e melhora a saúde cardiovascular foi comprado em um portal de comércio eletrônico.

Rosineide e Willis começaram a tomar o produto e entre uma e duas semanas apresentaram sintomas como mal-estar, vômitos e dores abdominais. Inicialmente, o casal foi a uma unidade de pronto atendimento (UPA). De lá foram encaminhados para o Hospital Dario Silva em estado grave.

Um familiar contou detalhes em entrevista ao site de A Gazeta. A pessoal não quis se identificar e afirmou que o filho de Willis e Rosineide, um rapaz de 20 anos, comentou com o médico sobre o óleo. O profissional de saúde o orientou a procurar a polícia e registrar boletim de ocorrência para que o produto fosse encaminhado para análise laboratorial.
 
O corpo de Rosineide foi enterrado na quarta-feira. O médico que cuida de Willis alertou a família que o estado de saúde dele é muito delicado. “O filho deles está desesperado. Não dorme direito, não se alimenta. É uma situação muito complicada, que abala a família toda e que ainda está sem resposta”, afirmou o familiar.

O Departamento Médico Legal (DML) de Vitória, capital do estado, realizou exames que apontarão a causa da morte de Rosineide. A Polícia Civil abriu inquérito policial. Com a morte da mulher, o caso passará a ser investigado pela Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). A empresa responsável pelo óleo não se manifestou.

Com informações do site: I7 News