quinta-feira, 4 de março de 2021

Gripe suína pode causar nova pandemia, aponta estudo


 
Foto: Reprodução

Uma pesquisa publicada na revista científica Cell Host & Microbe revelou que o vírus da Influenza A - responsável pela gripe suína - estava presente em mais de 50% das criações de suínos na Europa.

Cerca de 2,5 mil propriedades rurais passaram pelo processo de verificação. Foram analisadas mais de 18 mil amostras individuais que possibilitaram a identificação das quatro principais linhagens da influenza. 

De acordo com um artigo da BBC Future, essas variantes podem formar blocos de construção de uma pandemia, ou seja, há a possibilidade de o vírus se adaptar e passar a infectar humanos de forma substancial.

Timm Harder, chefe do Laboratório de Referência da Gripe Animal do Instituto Friedrich Loeffler, contou que, no final dos anos 1990, fazendas de suínos com 200 animais eram a exceção.

"Agora, temos fazendas com 20 mil porcos. É um aumento grosseiro no tamanho da fazenda. Isso é algo que muda a epidemiologia dos vírus da gripe", disse ele ao portal britânico.

Os porcos misturam vírus de humanos, pássaros e outras espécies e acabam produzindo mutações capazes de se tornarem letais e altamente contagiosas, levando ao risco de mais uma epidemia global. 

A pandemia de gripe suína - Influenza A (H1N1) - em 2009 atingiu mais de 70 países e provocou a morte de mais de 150 mil pessoas, segundo a BBC.

Com informações do site:  sbt