quinta-feira, 18 de março de 2021

Motorista de aplicativo casado aceita pagamento em Xerecard e acaba sendo filmado em hotel; veja o vídeo


 
Foto: Reprodução
Na noite desta terça-feira (16), o motorista de aplicativo que segundo informações seria casado, foi interrompido por uma intensa manifestação em busca dele na porta do Hotel Chamego, localizado na zona leste de Manaus. 

Isso aconteceu porque a onda de assassinatos envolvendo motoristas de aplicativo na cidade vem aumentando a cada dia, e o homem que faz parte de um grupo de Uber que se monitoram o tempo todo, desligou o GPS para dá uma pulada de cerca básica.

Ao perceberem que Rodrigo teria sumido por horas, foram em busca do amigo trabalhador, rastrearam o seu veículo e o encontraram dentro de um hotel.

O Portal CM7  teve acesso a companheira de Rodrigo que não quis ser filmada, ela disse que já era acostumada com as puladas de cerca do rapaz e que nem ligava, uma vez que ele era um bom marido porque sempre deu de tudo para ela, inclusive era ele quem pagava suas unhas em gel de R$ 80,00 na manicure Gilmara do Zumbi.

Um mototaxista amigo de Rodrigo falou à equipe de reportagem que Rodrigo aceitava pagamento das corridas em modo Xerecard, que seria corrida paga com outros atos, o que já é uma modalidade recorrente em São Paulo.