terça-feira, 9 de março de 2021

Padrasto mata enteada por não aceitar se separar da mãe da vítima


 
Foto: Reprodução
Uma adolescente de 16 anos foi morta a facadas, em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, neste sábado (6). Segundo a Polícia Militar (PM), o padrasto da vítima é suspeito de ter cometido o crime.

O crime aconteceu na Rua Redenção, do Jardim Nacional, durante a manhã, por volta das 9h.

Segundo a polícia, a garota dormia quando foi golpeada. 

O padrasto da vítima José Altamiro Gomes da Silva, de 56 anos, suspeito de ter cometido o crime, morreu horas depois do crime em uma batida de trânsito, em Cascavel, também na região oeste.

De acordo com as informações, o homem cometeu o crime porque não aceitava a separação com a mãe da vítima. "A motivação foi em virtude da mulher do autor estar preparando todo o tramite para se separar. Ela já tinha deixado claro para ele que não desejava manter o relacionamento, isso perdurava por cerca de um ano e ele não se conformava.
Ele ameaçava dizendo que ia tirar o bem mais precioso que ela tinha na vida", afirmou a delegada que investiga o caso, Iane Cardoso.

A mãe de Maria Eduarda estava fora de casa, trabalhando no momento do ataque. O socorro foi chamado, mas a vítima não resistiu aos ferimentos e morreu no local do crime.

Fonte: Com informações do G1