domingo, 21 de março de 2021

Rejeitado pela mãe biológica e deixado no lixo, jovem dá volta por cima e se torna milionário; lição comove


 
Foto: Reprodução
Superação. Este é o termo que pode definir a história do norte-americano Freddie Figgers. Abandonado perto de latas de lixo pela sua mãe biológica quando era um bebê, ele conseguiu dar a volta por cima, e atualmente é um empresário milionário no ramo tecnológico. 

Em entrevista concedida ao programa Outlook, da BBC, Freddie contou que sua história de redenção começou após ele ser adotado por um casal que sempre o incentivou a nunca desistir e buscar os seus objetivos.

Mesmo tendo ganhado uma família, Freddie teve uma infância difícil, sofrendo com muito preconceito e bullying. 

 “As crianças zombavam de mim; chamavam-me de ‘garbage baby’ (‘bebê do lixo’, em português), falavam ‘ninguém te ama… você é sujo’”, lembra Freddie. 

Os pais adotivos de Freedie, Nathan e Betty, tinham 74 anos e 66 anos, respectivamente, quando acolheram a pequena criança. O casal tinha filhos biológicos, mas também acolhia diversas crianças, na medida que podiam. 

Orgulho e crescimento
Na entrevista, Freddie externou a alegria de ter encontrado uma família que lhe deu amor, e se mostrou bastante grato por tudo que Nathan e Betty fizeram por ele. 

A história de Freddie deu um “up” e caminhou de forma surpreendente, quando aos 9 anos, ele ganhou um computador quebrado. Curioso e inteligente, ele desmontou o presente, e conseguiu fazer com que o aparelho funcionasse novamente.
Aquilo foi responsável por aflorar um fascínio do garoto por tecnologia, e ele não parou. 

Freddie criou calçados inteligentes, criou um sistema parecido com o Google Maps, antes mesmo do famoso recurso existir. Ainda jovem, ele ainda criou a Figgers Foundation, seguindo um grande exemplo do seu pai adotivo. A fundação oferece bolsas de estudo para estudantes afro-americanos além de contribuir com ajuda humanitária.

Com informações do site: I7News