segunda-feira, 12 de abril de 2021

7 sintomas importantes da endometriose que as mulheres jamais devem ignorar


 
Foto: Reprodução

A endometriose é uma doença que atinge muitas mulheres, sendo caracterizada pelo crescimento do tecido endometrial fora do útero, em locais como bexiga, intestino, ovários e trompas. A condição pode provocar sintomas como dores que ficam intensas especialmente durante o ciclo. Contudo, vale ressaltar que a dor pode ser sentida fora desse período menstrual.


Além desse tecido endometrial, também podem estar presentes o estroma ou glândula que são tecidos que não deveriam estar presentes em outras localidades do corpo, mas somente dentro do útero.
Essa alteração pode acabar se espalhando por vários tecidos da cavidade pélvica, provocando uma inflamação crônica na região.

O tratamento para a endometriose deve ser orientado pelo ginecologista e na maioria dos casos é feito um controle com uso de medicação para alívio da dor e controle dos sintomas. Vale frisar que em casos mais graves pode haver a indicação de um procedimento cirúrgico.

Para quem não sabe, a endometriose não tem uma causa estabelecida, porém existem algumas teorias que podem explicar o que favorece o crescimento do tecido endometrial fora do útero.

 
As duas teorias principais são fatores ambientais e menstruação retrógrada.  

A menstruação retrógrada acontece quando durante a menstruação o sangue não é eliminado de forma correta. Podendo desta maneira seguir em direção aos outros órgãos da área pélvica.

Os fragmentos do endométrio que tinham que ser eliminados no ciclo acabam permanecendo em outros órgãos, o que da origem a endometriose.

 
Já os fatores ambientais consistem na presença de poluentes que estão presentes na alimentação, como em refrigerantes e na gordura da carne. Isso poderia alterar o sistema imunológico fazendo com que o organismo não reconheça estes tecidos. Contudo, a teoria precisa de mais estudos científicos para que possa ser comprovada.

Conheça abaixo os principais sintomas da endometriose e caso se enquadre em algum deles procure ajuda profissional, pois somente o médico pode dar o diagnóstico e prescrever o tratamento mais indicado.

Dor intensa na região da pelve que pode piorar durante o ciclo
Ciclo intenso
Cãibras durante a relação íntima
Dor ao fazer as necessidades fisiológicas
Prisão de ventre ou diarreia
Fadiga e cansaço fora do comum
Dificuldade para poder engravidar

Com informações do site:  I7News