segunda-feira, 12 de abril de 2021

Homem é preso acusado de matar enteado de 3 anos


 
Foto: Reprodução
O padrasto do menino Cristofer Matos, de 3 anos, será indiciado pela Polícia Civil do Paraná por homicídio qualificado. O laudo do IML apontou que a criança, que morreu no dia 25 de março, sofreu rompimento do pâncreas e hemorragia interna.

Segundo o Uol, o homem, de 30 anos, levou a criança até uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) em Cianorte, cidade a 523 km de Curitiba. Mesmo antes do laudo, profissionais de saúde que o atenderam encontraram marcas aparentes de violência no corpo do garoto e acionaram a polícia.

O padrasto, que não teve a identidade revelada, foi preso ainda no local. Apesar de não saber explicar a origem dos ferimentos, ele negou ter batido no enteado.

De acordo com o inquérito policial, a mãe do menino saía para trabalhar todos os dias às 4h30 da manhã. A criança ficava sozinha com o padrasto até as 7h, quando a avó materna chegava.

A conclusão do inquérito, que deve ocorrer no início da próxima semana, analisa ainda as versões apresentadas pela mãe e pela avó da criança, que negaram saber sobre as agressões contra a criança e disseram que a relação entre eles aparentava normalidade.

Apesar da afirmação, a mãe revelou que menino não gostava de ficar sozinho com o padrasto.

Com informações do site: MSN