segunda-feira, 10 de maio de 2021

Filho denuncia apanhar do pai por ser homossexual e vizinhos registram agressões: ‘Se não mudar, eu te mato’


 
Foto: Reprodução
Brasil – Um homem foi levado à delegacia suspeito de agredir e ameaçar o próprio filho de 14 anos, por ele ser homossexual, depois que o adolescente enviou uma carta aos vizinhos denunciando a situação. Os moradores do local, em Jataí, Goiás, gravaram um áudio em que o pai bate no garoto e o ameaça de morte, e o enviaram à Polícia Civil.

“Eu tô cansado de te falar. Eu já não falei para você? Muda! Você tem que mudar, você sabe por quê? Porque se você não mudar, eu te mato, eu te arrebento”, diz o pai no áudio, enquanto agride o adolescente, que grita e pede que o pai pare de bater nele.

O homem negou à Polícia Civil que o motivo da agressão tenha sido a orientação sexual do filho. “Ele disse que não se importa, que aceita e já tinha conversado com o adolescente, mas o pegou acessando vídeos pornográficos pelo celular e não controlou a raiva”, disse a delegada responsável pelo caso, Paula Daniela Ruza.

Policiais foram à casa da família nessa quarta-feira (5), depois de receberem denúncia anônima, e confirmaram que o garoto tinha ferimentos no corpo. A mãe disse aos agentes que estava ciente das agressões porque o menino “tem tendência à homossexualidade”.
Além dos pais e da vítima, duas irmãs mais novas do adolescente estavam na casa no momento da agressão.


Com informações do site: Portal CM7