terça-feira, 11 de maio de 2021

O que pode estar por trás do vídeo impactante da 'mulher zumbi' que se tornou viral nas redes sociais


 
Foto: Reprodução

Chamada de “mulher zumbi” nas redes sociais, a misteriosa protagonista de imagens gravadas em Seattle, nos Estados Unidos, assustou muitas pessoas na última sexta-feira, 7 de maio de 2021.

De acordo com o portal UnoTv, uma mulher que parecia estar gravemente ferida, gritando e com poucas mechas de cabelo apareceu pelas ruas com uma sacola que parecia ter sangue. Ao ver sua boca era preta e o rosto pálido, pessoas chamaram os policiais e diversos vídeos foram gravados.

As imagens divulgadas nas redes sociais são fortes:




Os gritos de frases como “não quero ir ao hospital” e “não leve meu bebê” só cessaram quando oficiais conseguiram colocá-la em uma maca para atendê-la.



 

As discussões na Internet apontaram que poderia ser um caso de abuso de drogas, um colapso psicológico ou mesmo a promoção de um filme.

“Teoriza-se que tudo isso poderia ser um evento promocional do filme KIMI, onde o diretor abordará questões sociais como o controle da movimentação das pessoas em situação de rua”, disse um usuário do Twitter.

Outros observam que esta situação se assemelhava ao caso de violência doméstica de Marilyn Stanley em 2015, em Kentucky, nos Estados Unidos.

A mulher foi espancada por quem era seu então parceiro e, após receber diversos golpes, foi atacada por um cachorro e teve 75% do couro cabeludo arrancado com uma faca.



“Quando você está ferido, você minimiza a dor que sente porque está tão entorpecido. Você não reconhece tudo pelo que está passando. Você sabe o que está acontecendo, mas não sente a dor”, Declarou Marilyn dias após o ataque.

Com informações do site:  msn