sábado, 29 de maio de 2021

Walmart pede desculpas após clientes se revoltarem ao receberem da empresa e-mail com termo racista


 
Foto: Reprodução
Diversos clientes da rede de supermercados Walmart foram surpreendidos com um e-mail da empresa acompanhado de uma expressão considerada racista. O caso não demorou a gerar grande repercussão e acabou obrigando a empresa a se manifestar.

Em inglês, a mensagem foi direcionada aos clientes dos Estados Unidos, porém, alguns brasileiros relatam ter recebido o mesmo e-mail em suas caixas de entrada.

O conteúdo deveria ser uma mensagem de boas-vindas aos clientes, porém, a frase “Welcome to Walmart, Nigger” (“Bem-vindo ao Walmart, Crioulo”, em tradução livre), escrita com destaque em letras garrafais na imagem anexada ao e-mail, gerou revolta e uma série de denúncias de racismo.

O termo ‘nigger’, traduzido como crioulo, não possui a mesma conotação que a sua tradução. Em países falantes da língua inglesa, o termo é usado como ofensa e é considerado racista, pois era como os donos de escravos se referiam às pessoas escravizadas.

Após diversas acusações de racismo nas redes sociais, a multinacional estadunidense lançou mão de outro e-mail para pedir desculpas a seus clientes.

Assinado por Janey Whiteside, diretora de relacionamento com o cliente, a nova mensagem afirmou que a companhia teria descoberto que alguém de fora da empresa teria criado contas falsas a fim de ofender os clientes do Walmart.

“Sabemos que o e-mail enviado foi terrível e acreditamos que essas palavras nunca devem ser usadas. Estamos analisando todos os meios disponíveis para responsabilizar os responsáveis”, diz a mensagem.

Com informações do site: i7news