terça-feira, 29 de junho de 2021

Caso Lázaro: Caseiro leva polícia até onde Lázaro estaria


 
Foto: Reprodução

Alain Reis de Santana, o caseiro suspeito de ajudar Lázaro Barbosa de fugir da polícia, levou a força-tarefa até onde supostamente Lázaro estaria. Alain foi solto nesta madrugada deste sábado (26), após receber liberdade provisória da Justiça.

Segundo o advogado de Alain, Adenilson Santos, a prioridade no momento é a segurança do cliente. Além do caseiro, um fazendeiro, de 74 anos, também foi preso acusado de ajudar Lázaro a se esconder dos policiais. Segundo o depoimento do caseiro, Lázaro dormiu por cinco dias na fazenda do idoso.

De acordo com o auto de prisão em flagrante dos dois homens, o fazendeiro se recusou a deixar os policiais entrarem na propriedade e preferiu ficar em silêncio. Segundo o secretário de Segurança Pública do Goiás, Rodney Miranda, os dois suspeitos confirmaram ter ajudado Lázaro. Os dois ainda devem responder por favorecimento pessoal e posse de arma de fogo, já que a polícia encontrou espingardas e munições na propriedade.

Lázaro é suspeito de cometer uma chacina no Incra 9, no último dia 9, e já está sendo procurado há 18 dias por uma força-tarefa de mais de 270 policiais militares, civis, federais e federais rodoviários do Distrito Federal e Goiás, em Cocalzinho de Goiás.

Com informações do site: Jornal de Brasília.