sábado, 31 de julho de 2021

Alagoas: Casal é preso suspeito de prostituir filhas de 9 e 15 anos por dinheiro


 

Foto: Reprodução
Os abusos aconteciam na própria residência da família, que funcionava como um "prostíbulo", e na qual residiam as vítimas, os pais e mais cinco irmãos.

Um casal foi preso, nesta quinta-feira (29/7), suspeito de entregar as próprias filhas, de 9 e 15 anos, para serem estupradas por homens em troca de benefícios financeiros, na zona rural de Olho D’Água do Casado, Sertão de Alagoas. Dois “clientes” também foram presos.

De acordo com informações da Polícia Civil, as investigações começaram há mais de um mês após denúncias anônimas. Os abusos aconteciam na própria residência da família, que funcionava como um “prostíbulo”, e na qual residiam as vítimas, os pais e mais cinco irmãos.

Ainda segundo a polícia, as equipes chegaram a irem até a residência em três ocasiões, mas a mãe sempre negava as acusações. Em uma dessas visitas, ela alegou sofrer problemas psiquiátricos e tentou agredir os agentes.

Um dos filhos do casal, um menino de 13 anos, revelou em depoimento que precisou “tirar” um dos abusadores de cima da irmã de 9 anos. Os acusados costumavam ir à casa das vítimas à noite, onde consumiam bebidas alcoólicas e praticavam o crime.

As meninas e os irmãos foram encaminhados a casas de parentes. Os presos serão trazidos para o Sistema Prisional em Alagoas. A operação foi coordenada pela Gerência da 4a Região e pela Delegacia de Polícia Civil de Piranhas, sob o comando dos delegados Cícero Lima e Daniel Mayer.


Com informações do site: BR104