quarta-feira, 7 de julho de 2021

Menino morre e 3 se ferem depois que bote de parque de diversões vira, nos EUA


 
Foto: Reprodução

Um menino de 11 anos morreu e outro ficou gravemente ferido quando um bote capotou em um  parque de diversões de Iowa. Seis pessoas estavam no passeio aquático do Raging River no Adventureland Park em Altoona quando a "embarcação" circular capotou. Segundo a polícia local, o incidente ocorreu por volta das 19h30 do últimos sábado (3). 

Quatro pessoas foram hospitalizadas, incluindo três com ferimentos graves e o garoto Michael Jaramillo, de 11 anos, que não resistiu aos ferimentos e morreu. Há outra criança que está em estado crítico.

“Os detetives de Altoona estão trabalhando com o Inspetor Estadual e o Parque Adventureland para entender este trágico acidente", disse a Polícia de Altoona em comunicado. 

“Adventureland fica triste ao saber do falecimento de um convidado envolvido no acidente do Rio Raging”, disse Adventureland em comunicado em sua página no Facebook. “Essa investigação está em andamento e a atração continua fechada. Adventureland está trabalhando em estreita colaboração com as autoridades estaduais e locais e gostaria de agradecê-los novamente por seus esforços. ”

O passeio familiar - que promete encharcar todos os passageiros - exige que os visitantes tenham pelo menos um metro de altura, de acordo com seu site.

“Você vai ficar molhado, possivelmente encharcado neste passeio no rio”, diz o site. “Uma ótima maneira de se refrescar com toda a família!”

O passeio foi inspecionado pela última vez na sexta-feira (2), apenas um dia antes do acidente fatal, e foi considerado em "boas condições de funcionamento", disseram os funcionários do parque.

“Ele permanecerá fechado para uma inspeção completa”, continuou o comunicado do parque. “Nossos pensamentos estão com as famílias afetadas neste momento.”

As identidades das outras vítimas não foram divulgadas. O Raging River, que data de 1983, estava fechado desde o ano passado e reabriu pela primeira vez nesta temporada, informou a KCCI.

O incidente marcou a segunda fatalidade na atração nos últimos cinco anos, de acordo com o Des Moines Register.

Steve Booher, um funcionário da Adventureland de 68 anos, morreu em 2016, enquanto trabalhava no passeio. Booher estava ajudando os passageiros a saírem das balsas quando caiu na esteira rolante da atração, fraturando o crânio e ferindo o cérebro. Ele morreu quatro dias depois, informou o jornal.

De acordo com a ocorrência, o parque foi multado em no máximo US $ 4.500 pela Administração de Segurança e Saúde Ocupacional de Iowa após o acidente mortal de Booher.

Com informações do site:  ultimosegundo