terça-feira, 10 de agosto de 2021

Como saber a "idade humana" de um cachorro ou gato? Veja passo a passo como calcular


 
(Foto: Pixabay)
É de conhecimento comum que a idade de um cachorro vezes sete dá sua idade "humana". No entanto, segundo especialistas, a crença popular é um mito. Para saber a real "idade humana" de seu bichinho de estimação, seja cachorro ou gato, é necessário levar em consideração outros fatores nesse cálculo, como, por exemplo, o porte, a raça e o tipo de animal.

Diferença por porte

Segundo a veterinária Farah de Andrade, cães de pequeno porte, com até 10 quilos, amadurecem mais rápido nos primeiros anos de vida, mas, por outro lado, iniciam a terceira idade por volta dos sete anos.

Já os cães de médio e grande porte tendem a amadurecer mais lentamente no início da vida, porém já são considerados idosos a partir dos cinco anos.

Amadurecimento para cães e gatos

Na realidade, se o cálculo fosse feito pela média, só o primeiro ano do cão equivaleria a 15 anos no homem. "Nessa fase de filhote, o cão sofre diversas transformações, vai de bebê a adulto em pouquíssimos meses, amadurecendo bem mais rápido que nós, humanos", explica a profissional, destacando, ainda que os gatos, por sua vez, só entram na terceira idade aos dez anos.

Idades

A profissional explica que não existe uma correspondência regular entre a idade dos gatos e a dos humanos, tendo em vista que os dois primeiros anos do gato equivalem aos 24 anos do humano e, a partir dos 2 anos, cada ano da vida do gato corresponde a cerca de 4 a 5 anos do homem.

"Por exemplo, um gato com 10 anos é considerado sênior e tem aproximadamente 56 anos humanos. Entretanto, esses valores são apenas indicativos, já que, naturalmente, existem gatos que parecem ser mais jovens em relação à sua idade e vice-versa", pontua Farah.

Cuidados

De maneira geral, os tutores precisam ficar atentos com o avanço da idade, já que, nessa fase, aparecem as doenças geriátricas, relacionadas ao envelhecimento do organismo. "É comum surgirem problemas cardíacos, insuficiência renal, artropatias, catarata, distúrbios cognitivos e doenças periodontais", pontua a veterinária.

Cálculo para cachorros
Cão de pequeno porte:
  • Multiplique os 2 primeiros anos por 12,5 (25 anos); Subtraia da idade do pet esses 2 anos, e multiplique o restante por 4,5.
Cão de médio porte:
  • Multiplique os 2 primeiros anos por 10,5 (21 anos); Subtraia da idade do pet esses 2 anos, e multiplique o restante por 5,7.
Cão de grande porte:
  • Multiplique os 2 primeiros anos por 9 (18 anos); Subtraia da idade do pet esses 2 anos, e multiplique o restante por 8.
Cálculo para gatos
  • Primeiro ano de vida: acrescente 15 anos
  • Segundo ano de vida: acrescente  10 anos
  • A partir do terceiro ano: acrescente 4 anos

Com informações do site: JC ONLINE