segunda-feira, 9 de agosto de 2021

Por que edifícios abandonados se deterioram tão rapidamente?


 


Foto: Reprodução

Prédios abandonados se deterioram rapidamente por uma série de razões, incluindo vazamentos e danos no teto e piso, falta de manutenção e fatores externos, como animais e clima ambiente.

Nas cidades modernas, você provavelmente já viu pessoas morando e trabalhando em prédios que têm décadas, ou até mesmo séculos, dependendo de onde você está no mundo, mas eles ainda parecem estar em perfeitas condições.

No entanto, se um edifício for deixado desabitado mesmo por alguns anos, ele se deteriora a uma taxa incrível. Por que isso acontece? Como exatamente um edifício habitado é mais bem protegido do que um abandonado?

Razões de rápida deterioração de edifícios abandonados
Clima
Qualquer estrutura que fica “ao ar livre” deve enfrentar os elementos da natureza, o que impacta negativamente a integridade estrutural de um edifício. Por exemplo, durante o verão, a água pode penetrar no teto ou nas paredes de uma casa e umedecê-la. Porém, com a chegada do inverno, a água congela e compromete a resistência da parede. Na verdade, essa é uma das principais razões pelas quais as paredes de prédios abandonados começam a desmoronar durante o inverno.

Além disso, o material utilizado na construção do prédio também é afetado pelo clima ambiente. Se um edifício tiver muito metal, como ferro ou aço, ele enferrujará gradualmente se não for mantido, o que irá acelerar a deterioração da estrutura.

Água
A água é considerada um dos maiores perigos para um edifício abandonado, casa ou qualquer estrutura que deva resistir às intempéries. Uma vez que a água da chuva, neve ou qualquer outra fonte penetre no edifício e não seja controlada, é basicamente uma sentença de morte para o edifício em questão.

A água dissolve o drywall, apodrece a madeira, enferruja o metal e derrete o gesso, entre muitas outras coisas que acabam por comprometer a estrutura e a sua integridade.

Além disso, se um edifício fica muito frio durante o inverno, como mencionado anteriormente, a água inflige ainda mais danos ao congelar no local e enfraquecer a resistência do concreto e da alvenaria.

Vegetação
Uma vez que água suficiente penetra nas paredes de um edifício, ela ‘abre a porta’ para uma série de outros elementos indesejáveis, como o crescimento de plantas dentro do edifício. Você deve ter notado que as paredes de prédios abandonados costumam ser adornadas com plantas, musgo e fungos que escalam a altura das paredes, às vezes até rachando o chão e o teto.

As plantas e a vegetação atraem pássaros e animais, os quais contribuem ainda mais para a deterioração do edifício.

Material de construção
O material usado na construção de um edifício tem muito a ver com o tempo que vai durar. Alguns materiais (como a pedra), como você pode imaginar, fazem estruturas mais robustas, mas têm outras desvantagens.

Por exemplo, a madeira é um material muito comum usado na construção; mas uma casa feita principalmente de madeira provavelmente desmoronará em quase 50 anos (ou muito mais rápido, dependendo da temperatura ambiente e do clima). Da mesma forma, uma estrutura de concreto duraria entre 50-100 anos, enquanto uma construção de pedra pode durar mais de um século. ( Fonte )

Observe que essas são apenas estimativas sobre a longevidade de uma determinada estrutura com base em seu material de construção, como mencionado anteriormente, existem inúmeros outros fatores que aceleram ou retardam a degradação de uma construção. 

Falta de manutenção regular
Uma das maiores razões pelas quais um prédio de 100 anos pode ficar parado, enquanto um prédio abandonado pode morder a poeira em poucos anos, é que o primeiro é cuidado por seus habitantes.

A importância da manutenção de um edifício ou de qualquer estrutura, aliás, não pode ser exagerada.

Quando um edifício é habitado, o menor buraco no teto, nas paredes ou no chão é percebido por seus habitantes e consertado rapidamente.

Em contraste, uma pequena rachadura na janela de um prédio abandonado é suficiente para derrubar toda a estrutura em questão de alguns anos. É por isso que se costuma dizer que uma casa abandonada envelhece 5 anos para cada ano que fica desocupada.

Interferência humana
Um prédio vazio se deteriora se não for cuidado, como já estabelecemos, mas o que torna o processo de decadência ainda pior é o elemento da interferência humana.

Se um prédio é abandonado, geralmente atrai visitantes humanos, especialmente quando é abandonado pela primeira vez. Dentro de um prédio abandonado, as pessoas arrancam tábuas, arrancam as paredes, arrancam cobre, metal ou mesmo madeira onde quer que possam ser encontrados. Casos de pessoas entrando em prédios vazios e simplesmente quebrando coisas sem motivo também são estranhamente comuns.

Todas essas atividades diminuem significativamente a integridade estrutural de um edifício. Na verdade, é por isso que as pessoas contratam guardas e colocam placas que dizem “Propriedade privada: invasores serão processados” para proteger seus prédios vazios, embora ninguém mais viva lá. Basicamente, contratar um guarda para proteger as instalações do prédio costuma ser menos caro do que absorver a perda monetária resultante da sabotagem humana do prédio.

Por isso, é sempre aconselhável ter uma planta que garanta que um edifício esteja protegido de tais fatores ambientais e humanos, mesmo que ninguém o habite. Se deixado completamente sem vigilância, um prédio abandonado é tão bom quanto uma pilha de madeira, concreto e entulho, rapidamente retomada pela natureza!

Com informações do site: dicasecuriosidades