quarta-feira, 22 de setembro de 2021

Assalto via bilhete: ladrão surdo e mudo anuncia roubo e deixa frentista perplexa


 
Foto: Reprodução

Há quase três anos um fato curioso aconteceu em uma loja de conveniência em um posto de gasolina, em Curitiba, Paraná. Segundo o Metrópoles, um homem surdo e mudo entrou no posto de combustível e, através de um bilhete, anunciou o assalto, deixando a frentista chocada com a situação.

Segundo a polícia, o bandido já havia cometido esse delito outras três vezes, usando a mesma estratégia antes de ser preso. O homem chegou no balcão do estabelecimento e entregou o bilhete direto nas mãos da caixa, que ficou em choque. A polícia informou na ocasião que o homem não estava armado.

No bilhete estava escrito: “Fique quieto. Não mexe. Eu tenho uma arma aqui na cintura. Passa dinheiro rápido. Eu não quero mostrar arma. Quieto”, é possível ler o anúncio do assalto na matéria do Balanço Geral de Curitiba, em 2018. Atordoada, a atendente se afasta e chama o gerente, que tomou as rédeas da situação chamando a polícia.

Os funcionários do local e os policiais contaram na ocasião que o bandido não pronunciou nenhuma uma palavra, apenas fazia gestos para dar a entender estar com uma arma na cintura. Após ser imobilizado pelos colaboradores do posto de gasolina ficou claro que o assaltante estava desarmado.

Durante a entrevista para o Balanço Geral de Curitiba, o policial contou que foi preciso um intérprete para se comunicar com o ladrão. Em 2020, teve um caso parecido com esse de Curitiba (PA), porém, no Rio Grande do Sul, onde um cadeirante anunciou um assalto usando uma arma de brinquedo. Sem conseguir se comunicar com a vítima da loja, o bandido mostrou um bilhete, mandando a atendente passar tudo. Na época, o Extra noticiou o assalto.

Com informações do site: 1news