sexta-feira, 10 de setembro de 2021

Pai e mãe são presos por vender a própria filha no Maranhão


 
Foto: Reprodução
A Polícia Civil do Maranhão , conseguiu prender nesta quinta-feira (09) na cidade de Pinheiro, um pai e uma mãe, pelo crime de estupro de vulnerável previsto no artigo 217-A do Código Penal brasileiro.  

Segundo investigações da Delegacia Especializada da Mulher de Pinheiro, ambos foram presos acusados de vender a própria filha, uma criança de 11 anos de idade, em troca de três cervejas.

Segundo as investigações após diligências, foram confirmados os fatos apresentados na denúncia recebida, bem como que no dia seguinte após ser vendida, a criança fugiu da residência do suposto "comprador” e retornou para casa de seus pais, que lhes negaram acolhimento.

De imediato a criança ficou sob a responsabilidade do Conselho Tutelar que adotou medidas de proteção a sua integridade.

Diante dos fatos, foi representado pela prisão temporária dos genitores da criança e do homem que a “comprou”, pelo cometimento do crime previsto no artigo 217-A do CPB.


Com informações do site: CENTRAL DE NOTÍCIAS