quinta-feira, 9 de setembro de 2021

Polícia encontra corpo de criança que havia sumido de quiosque na Paraiba


 
Foto: Reprodução
Foi encontrado, na madrugada desta quarta-feira (8), em João Pessoa, o corpo da menina Anielle Teixeira, de 11 anos, que estava desaparecida desde o domingo (5)

Anielle foi deixada em uma mata às margens do Rio Jaguaribe, no bairro Miramar. A polícia teve acesso ao local pela Avenida Epitácio Pessoa. O corpo de Anielle estava sem roupas. As equipes de investigação aguardam resultado da perícia para saber a causa da morte, mas uma análise preliminar no local apontou indícios de esganadura e violência.

A polícia recebeu informações de que havia uma movimentação suspeita na região por volta das 23h dessa terça-feira (7) e mobilizou sete viaturas. Cerca de 15 policiais fizeram uma varredura na área, mas o suspeito do crime não foi localizado.

Quem tiver informações sobre o paradeiro do suspeito pode comunicar às polícias Civil (telefone 197) e Militar (190).

Entenda o caso
Anielle Teixeira sumiu de um quiosque na Praia do Cabo do Branco onde dormia com a família no último domingo. Imagens de circuitos de segurança da localidade mostram um homem conversando com a criança. Depois disso, a menina não foi mais vista. O registro foi feito às 4h37.

Segundo a mãe da criança, a família foi passear na praia no sábado e acabou dormindo em um colchão de um quiosque de um conhecido. A mãe informou que optou por passar a noite no estabelecimento, que está fechado para reforma, em razão do horário avançado e dos valores cobrados pelos serviços de transporte por aplicativo estarem muito altos.

O desaparecimento da menina só foi denunciado à polícia por volta das 20h. Na delegacia, mãe da Anielle Teixeira afirmou conhecer o suspeito, mas disse não saber detalhes da vida dele, como sobrenome, endereço ou profissão. De acordo com a Polícia Civil, a mulher passou o dia tentando descobrir o paradeiro da filha sozinha.

Nessa terça (7), chegou ao conhecimento da polícia que a mulher teve uma discussão com o homem considerado suspeito no caso. Ele reapareceu na praia com roupas diferentes das que usava no momento em que foi flagrado conversando com Anielle e foi confrontado pela mãe da menina. Uma pessoa que estava no local filmou a briga.

Com informações do site: novacruzoficialrn