domingo, 24 de outubro de 2021

Advogado suspeito e namorada assassinada curtiram show de Zé Vaqueiro na noite anterior ao crime


 
Foto: Reprodução
O advogado criminalista José Luiz de Britto Meira Júnior e a namorada Kesia Stefany da Silva Ribeiro, de 21 anos, curtiram o sábado (16) em um show do cantor Zé Vaqueiro, na capital baiana. Na madrugada do dia seguinte, a jovem foi morta com um tiro na cabeça pelo companheiro, no bairro do Rio Vermelho.
 
Em um registro postado nas redes sociais, o casal aparece sorridente, rodeado de amigos na festa, realizada na Praia do Flamengo. Kesia morava em Feira de Santana e mantinha o relacionamento com o criminalista há dois anos, de acordo com a Polícia Civil.

A defesa do advogado diz que José Luiz sustenta que o tiro foi acidental. "Ele alega que foi fruto de uma discussão, uma desavença, e infelizmente aconteceu o disparo acidental. Todos os indícios apontam para isso. Ele está lesionado. Tem histórico de violência recíproca, infelizmente culminou nisso", afirmou o advogado Domingos Arjones. Segundo Arjones, o cliente tem posse de arma.

A vítima chegou a ser levada pelo advogado para o Hospital Geral do Estado (HGE), mas chegou sem vida à unidade de saúde.
 
O suspeito fugiu em seguida, mas foi localizado cerca de uma hora após o homicídio.

O Crime
O advogado criminalista, Luiz Meira, foi preso em flagrante na madrugada deste domingo (17) após assassinar a namorada, Kesia Stefany da Silva Ribeiro, de 21 anos, na Rua Barro Vermelho, no bairro do Rio Vermelho, em Salvador. Os dois tinham um relacionamento e ele atirou na cabeça dela com uma pistola 9mm. A motivação ainda não foi esclarecida. 

Juntos há dois anos

Morta com um tiro na cabeça, na madrugada deste domingo (17) Kesia Stefany da Silva Ribeiro, de 21 anos, morava em Feira de Santana, a 100 quilômetros de Salvador, e mantinha o relacionamento com o advogado criminalista, Luiz Meira, suspeito do crime, há dois anos, de acordo com a Polícia Civil


Com informações do site: DIÁRIO VIP