terça-feira, 26 de outubro de 2021

Mulher fica em estado vegetativo depois de lipoaspiração e rinoplastia; marido conta que destruiu a família


 
Foto: Reprodução

As cirurgias plásticas estão entre os procedimentos cirúrgicos mais realizados no mundo. A busca pela perfeição e pelo padrão de beleza imposto pela sociedade pode trazer resultados desastrosos, caso aconteça algum problema.

O caso de Sabina Abbas, de 32 anos, terminou em tragédia. Ela está em estado vegetativo há quatro anos, depois que seu coração parou enquanto ela era submetida a duas cirurgias plásticas simultâneas. Ela fazia uma lipoaspiração e uma rinoplastia. Esse incidente ocorreu na Turquia.

A mulher, mãe de dois filhos, foi operada por um médico que teve somente as iniciais divulgadas: A.F. O procedimento ocorreu em uma clínica paga, em julho de 2017. Enquanto as intervenções eram realizadas, a frequência cardíaca dela parou de maneira repentina.

Após cerca de quatro minutos, os médicos conseguiram reanimá-la. Ela foi levada inconsciente para um hospital, onde está até hoje, em estado vegetativo. Os primeiros anos dela foi em acompanhamento em uma Unidade de Terapia Intensiva.

O marido de Sabina, Rustem Abbas, culpa a clínica pelo resultado desastroso que aconteceu com sua mulher. Além de apresentar uma queixa contra o médico-cirurgião e o médico anestesista, ele conta que tudo o que aconteceu destruiu a família deles.

“Nosso filho Demir tinha apenas três meses e nossa filha Yanesk tinha dois anos quando minha esposa entrou em estado vegetativo. Nossas vidas se tornaram um inferno”, disse Rustem. Ainda de acordo com ele, a unidade hospitalar tenta dar alta para a sua esposa, porém a família não aceita que ela saia do local sem estar completamente recuperada.

Com informações do site: I7 News