quarta-feira, 6 de outubro de 2021

Notícias do dia - O que você precisa saber para começar a quarta (06)


 
Foto: Reprodução
CPI dá 48h para Queiroga explicar abandono da Coronavac em 2022
A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid no Senado aprovou requerimento com questionamentos ao ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, sobre a descontinuidade do uso da Coronavac em 2022. O ministério anunciou que não há intenção do governo federal em adquirir novas doses do imunizante desenvolvido pelo laboratório chinês Sinovac. Leia a matéria aqui.

Desaparecido: após sumiço, Nego do Borel explica o que fez nas últimas 24h
Após desaparecer por 24 horas, o cantor foi encontrado em um motel no Rio de Janeiro. O cantor deu sua versão para a polícia e a assessoria divulgou o documento aos jornalistas na tarde desta terça-feira (5). No depoimento, o funkeiro afirma que "pegou no sono após o uso excessivo de remédios". Leia a matéria aqui.

Facebook aponta ‘culpado’ por apagão de seis horas
A empresa culpou uma interrupção na comunicação entre os data centers como a grande causa para o apagão de seis horas, que ocorreu na última segunda-feira (4). De acordo com a companhia, uma falha na comunicação entre os sistemas levou a interrupção do serviço, mas não causou danos para os dados dos usuários. Leia a matéria aqui.


Conecte SUS está sem acessibilidade para pessoas cegas
O aplicativo oficial do Ministério da Saúde, Conecte SUS, não pode ser utilizado por enquanto por pessoas cegas. Tanto a versão para Android como para iOs (sistema operacional do iPhone), possuem barreiras que tornam inviável a navegação pelo app com o recurso de acessibilidade presente de fábrica nos celulares (leitores de tela). Leia a matéria aqui.

AM: Militares exigiram alteração em nota de alunos, denunciam professores 
Carga horária acima do permitido, coação e assédio moral por parte dos militares para alterar nota de alunos: em Manaus (AM), professores do Colégio Militar da Polícia Militar (Unidade Cachoeirinha) denunciaram ao Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado do Amazonas (Sinteam) uma série de abusos ocorridos na escola. Leia a matéria aqui.

Com informações do site: Yahoo Notícias