sábado, 9 de outubro de 2021

Polícia Civil apreende pedras preciosas avaliadas em R$ 1,5 milhão


 
Foto: Reprodução
A ação investiga uma quadrilha liderada por um pastor de igreja evangélica suspeito de fraude de segunda via de pedidos de cartões de crédito, uso de documento falso, invasão e venda irregular de imóveis, parcelamento de terras, comercialização ilegal de munições, armas e pedras preciosas.

Os agentes apreenderam 3 quilos de rubi, 6 quilos de esmeralda, 12 quilos de alexandrita e mais uma quantidade de safira, ainda não contabilizada. As pedras são avaliadas em R$ 1,5 milhão.

Ao todo, foram cumpridos nove mandados de busca e apreensão e dois de prisão temporária em Águas Claras, Taguatinga, Guará, Riacho Fundo e Park Way.

Com informações do site: TERRA BRASIL NOTÍCIAS