quarta-feira, 27 de outubro de 2021

Por causa de farinha, jovem esfaqueia o próprio amigo na Vila Olímpica de Manaus; veja


 
Foto: Reprodução

 Um dos jogadores do CDC Manicoré/Novo Aripuanã, foi esfaqueado durante uma suposta briga por farinha durante o almoço em um alojamento na Vila Olímpica do Amazonas, espaço da Fundação de Alto Rendimento do Amazonas (Faar). A informação é do portal “GE”.

A equipe foi uma das participantes da Série B do Amazonense 2021, mas fez uma campanha ruim, com cinco derrotas em cinco partidas e um W.O por abandono na sexta rodada do torneio. O time teve diversos problemas extracampos, além disso, o caso em que o jogador é esfaqueado no alojamento após uma suposta briga por farinha.

De acordo com a apuração do portal “GE”, o dirigente chamado Douglas teria pego a farinha que veio na comida do atleta conhecido como Duran e iniciou a discussão. Na ocasião, o diretor pegou uma faca e esfaqueou o jogador. A briga teria acontecido no dia 20 de outubro.

Em nota oficial, a Fundação Amazonas de Alto Rendimento, informou que os 29 atletas ficaram nas dependências. O jogador chegou a ser atendido no hospital, mas não sofreu consequências graves e está bem.

Nota

A Fundação Amazonas de Alto Rendimento (Faar) informa que jogadores do CDC Novo Aripuanã estiveram alojados no hotel da Vila Olímpica de Manaus, situada na zona centro-oeste da capital, durante 29 dias, em decorrência ao Campeonato Amazonense Série B.

Na manhã da última quarta-feira (20), um vigilante de segurança, que atua na praça esportiva, foi acionado até as dependências do alojamento, por volta de 11h40. No local, foi constatado o ato de agressão entre dois atletas do clube por motivos fúteis.

A Fundação reforça o compromisso com os atletas de alto rendimento do Estado do Amazonas e repudia qualquer ato, ou prática, que não condiz com os valores desportivos.

Diante do ocorrido, a Faar instaurará uma sindicância administrativa para apurar eventuais irregularidades. Em virtude disso, o Clube CDC Novo Aripuanã está impedido de entrar nas dependências da Vila Olímpica, por tempo indeterminado.

Com informações do site: portalcm7