domingo, 10 de outubro de 2021

Tragédia agrava depressão de Silvio Santos, põe em dúvida seu retorno à TV e preocupa familiares do apresentador


 
Foto: Reprodução
Amigos e familiares estariam extremamente preocupados com o estado em que se encontra a saúde do todo-poderoso do SBT, o lendário Silvio Santos. O apresentador e dono da emissora está afastado de suas funções desde que testou positivo para a Covid-19, além disso, seu quadro depressivo tem colaborado e muito para o adiamento de seu possível retorno.

A depressão é considerada o mal do século. É um distúrbio afetivo silencioso que faz com que o indivíduo experimente momentos de tristeza excessiva, pessimismo, baixa auto-estima entre outros sintomas, que podem surgir um por vez ou até mesmo em uma combinação de vários deles.
  
Silvio Santos sempre foi visto como um dos melhores animadores desse país, porém, o riso fácil, sua desenvoltura no palco e uma alegria contagiante esconderam para o público os traços da depressão, que acabou se agravando após a morte de Morton Aaron Scheinberg, reumatologista com o qual o apresentador se consultava há anos.

De acordo o colunista Guilherme Amado, do portal de notícias Metrópoles, Morton era o único médico em quem Silvio parecia confiar, tendo em vista que ele era o único profissional a quem o apresentador ouvia e colocava em prática suas recomendações.

Scheinbergo faleceu no dia 27 de setembro, aos 73 anos de idade, de causas não reveladas por sua família. Após o acontecimento, Silvio então teria piorado de seu quadro depressivo e passou a recusar todas as recomendações feitas por outros profissionais, o que teria causado, também, discussões entre o chefe da família Abravanel e suas herdeiras.

Com informações do site: TV PRIME