sexta-feira, 19 de novembro de 2021

Homem é preso por vender adolescentes para abuso


 
Foto: Reprodução

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), indiciou na manhã de quarta-feira (17), por volta das 10h, Paulo Sergio Santos, de 50 anos, pelos crimes de estupro de vulnerável e exploração comercial de adolescentes. Ele foi localizado na comunidade Rio Piorini, bairro Colônia Terra Nova, zona norte de Manaus.
Durante a ação policial, um homem identificado como Adelmisson Gomes Lisboa, 26, foi preso em cumprimento a mandado de prisão pelo crime de tráfico de drogas, no bairro Tancredo Neves, zona leste da capital.

Conforme a autoridade policial, a equipe de investigação foi até o local e verificou que a adolescente desaparecida, junto com outra de 14 anos, estavam na casa de Adelmisson. Ao serem questionadas, elas relataram que nos dias anteriores tiveram que fazer programas em troca de dinheiro e comida.
“Ainda na residência Adelmisson, as vítimas denunciaram Paulo Sergio Santos, com quem a adolescente de 14 anos mantinha relações desde os 13 anos. Diante das circunstâncias, os policiais encontraram Paulo no bairro Colônia Terra Nova, e todos foram conduzidos à sede da Depca, para esclarecimentos”, disse Joyce.

A delegada explicou que as meninas foram ouvidas por uma especialista da unidade policial, e confirmaram os fatos, relatando atividades apenas com Paulo, que foi indiciado pelo crime. Já Ademilsson, possuía um mandado de prisão em aberto, expedido no dia 8 de maio de 2020, pela Comarca de Beruri (a 173 quilômetros de Manaus).

Procedimentos
Paulo foi indiciado por estupro de vulnerável e exploração comercial de adolescentes. Ele foi liberado para responder em liberdade, pelo fato de estar fora do período de flagrante e não haver mandado de prisão em seu nome.

Já Adelmisson responderá por tráfico de drogas e foi encaminhado à Central de Recebimento e Triagem (CRT), onde ficará à disposição da Justiça.

Com informações do site: Manaus Alerta