sexta-feira, 26 de novembro de 2021

Mãe do piloto de avião que caiu em Ubatuba desabafa: ‘ele é tudo que tenho’; corpo foi encontrado


 
Foto: Reprodução
As buscas pelas três pessoas que estavam a bordo do avião de pequeno porte que caiu em alto-mar na região de Ubatuba, litoral de São Paulo, seguiu por toda esta quinta-feira (25). A aeronave caiu na noite de quarta enquanto fazia o trajeto de Campinas até o Rio de Janeiro.

O piloto Gustavo Carneiro estava no avião. Natural de Corumbá, no Mato Grosso do Sul, ele havia perdido o pai para a Covid-19 há pouco tempo. Em rápida entrevista ao G1, a mãe de Gustavo mostrou-se abalada e desabafou sobre o desaparecimento do filho.

“Ele é tudo que tenho”, disse a mãe do piloto, Leila Reis Carneiro (primeira à esquerda na foto abaixo). Na manhã de quarta-feira, Gustavo (terceiro na foto abaixo) fez post nas redes sociais mostrando que estava no Aeroporto Campo dos Amarais, em Campinas, interior de São Paulo, de onde o avião decolou durante a noite. A aeronave tinha autorização da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) para viagens noturnas.


Corpo de Gustavo foi encontrado

No decorrer desta quinta-feira, um corpo foi encontrado na região onde o avião caiu. Logo depois, foi confirmado que se tratava de Gustavo Carneiro. As buscas foram feitas pela Força Aérea Brasileira. O corpo foi encontrado a 16 quilômetros da costa.

Devido às condições climáticas na região que fica entre a divisa de São Paulo e Rio de Janeiro, as buscas foram encerradas nesta quinta e continuarão amanhã. Além de Gustavo, estavam a bordo o copiloto e dono do avião, José Porfírio de Brito Júnior e Sergio Alves Dias Filho, empresário dono de loja de carros blindados no Rio de Janeiro.

Com informações do site: i7news