quarta-feira, 17 de novembro de 2021

Mulher tenta estourar espinha, acaba no hospital durante uma semana e acende alerta


 
Foto: Reprodução
Estourar espinhas pode parecer muito satisfatório. No entanto, a história de terror desta mulher pode fazer com quem muitos desistam da atividade. Gibsen Armstrong, da Carolina do Norte, nos Estados Unidos, compartilhou um vídeo no TikTok que mostra como o rosto dela ficou após tentar se livrar de uma acne. Segundo a jovem, ela ficou durante uma semana no hospital até descobrirem o que estava causando as alterações no rosto.

“Aquela vez que peguei MRSA por ter estourado uma espinha no rosto”, diz a legenda. “MRSA” é a sigla em inglês para SARM (Staphylococcus aureus resistente à meticilina), uma bactéria que comumente causa infecções de pele nos Estados Unidos, segundo a farmacêutica estadunidense MSD (Merck Sharp and Dohme). O SAMR é resistente a muitos antibióticos normalmente utilizados.

Na sequência de fotos, a jovem mostra uma bochecha vermelha com duas manchas no rosto. Em vez de a pele cicatrizar como de costume, na próxima imagem, Gibsen aparece com o rosto inchado. Ao longo das fotos, o rosto da jovem fica cada vez mais vermelho, até que os olhos dela também começam a inchar.

Em outra imagem, Gibsen pode ser vista deitada em uma cama de hospital com o rosto ainda mais inchado. Ela precisou drenar a região infectada. A jovem ainda aplicou pressão no local, o que fez com que um pus amarelo espesso escoasse para fora.

“Eu estava no hospital quando estava drenando e eu estava no soro 24 horas por dia, 7 dias por semana”, disse nos comentários, e ainda completou: “Fui internada no hospital por uma semana porque eles não conseguiam descobrir o que era. Finalmente estourou”.

Reações
Infecções bacterianas da pele se desenvolvem quando as bactérias entram através de folículos pilosos ou por meio de pequenos cortes na pele. Nos comentários, os internautas se assustaram com a possibilidade de desenvolver uma infecção ao estourarem espinhas.

“Estou sempre cutucando meu rosto, isso me dá vontade de chorar”, “Uau, não sabia que isso era possível”, disseram alguns usuários. Desde que foi postado, o vídeo de Gibsen já acumulou mais de 2,7 milhões de visualizações e 65 mil curtidas.


Com informações do site: apoliticaemfoco