terça-feira, 9 de novembro de 2021

Padre acusado de abusar adolescente é encontrado morto dentro de casa no Piauí


 
Foto: Reprodução
O padre José Alves de Carvalho, de 43 anos, natural da zona rural de Monte Alegre do Piauí, atualmente era Pároco na igreja de São Pedro Nolasco, bairro DER em Bom Jesus, inclusive, primeiro pároco da igreja e comunidade católica naquela parte da cidade,  foi encontrado morto dentro da sua casa na tarde de domingo (7).
 
O corpo  do padre foi  encontrado na parte da noite, por volta das 21 horas. Sua agenda aos domingos, 'Dia do Senhor', era celebrar suas missas na zona rural e na matriz a noite, este seria o seu primeiro domingo sem missas.  

O religioso era conhecido por realizar muitas ações como na área da catequese, jovens e trabalhos pastorais, estudos bíblicos e outros, era muito organizado e animado nas suas atividades.

Poucas horas antes de ser encontrado morto, o padre atualizou sua rede social com a seguinte frase: "Amo minha igreja" e também atualizou a foto da mesma rede social,colocou uma da entrada da sua casa, com os dois cachorros que criava.
 
O velório acontece na manhã desta segunda-feira (8), na Matriz São Pedro Apóstolo. Depois seguirá para o encontro com a família. O corpo do padre será levado para Monte Alegre do Piauí, onde será sepultado na povoado Regalo.

DENÚNCIA 
Um parente de uma adolescente de 14 anos que teria visto mensagens na redes social da mesma, sem que esta soubesse, e resolveu procurar um portal local que tornou público uma parte dos fatos. 

A Diocese de Bom Jesus foi acionada e tomou as medidas que foi o afastamento provisório do sacerdote para a apuração dos fatos, e assim depois de analisar iria emitir um parecer.

Dom Marcos lamentou muitíssimo a repercussão dos fatos e manifesta toda sua solidariedade com o sofrimento dos envolvidos: “Sinto e sofro, com a família envolvida, a dor de todos, principalmente, dos pais; pois como Bispo, cada padre é para mim como verdadeiro filho e nenhum pai quer que o filho se perca”, concluiu o Bispo.

NOTA DE ESCLARECIMENTO DA DIOCESE:


Com informações do site: MEIO NORTE