sexta-feira, 14 de janeiro de 2022

9 truques para driblar a síndrome de Burnout e viver mais leve no trabalho


 
Foto: Reprodução

Antigamente poderia receber o nome popular de esgotamento, mas hoje é conhecida como síndrome de Burnout. Claro que não se trata da mesma coisa, já que os aspectos sociais e de convívio são outros. A síndrome de Burnout é causada pelo excesso de trabalho.

O paciente chega ao ponto de privar noites inteiras de sono para cumprir as tarefas profissionais. Contudo, este nível de pressão e estresse altíssimo acarreta graves consequências para a mente e para o corpo. A pessoa que sofre com a síndrome simplesmente chega ao ponto de “travar” a mente.

Sintomas mais comuns da Síndrome de Burnout
Este problema começa de modo silencioso e evolui com o passar do tempo. Caso algo não seja feito, o paciente pode desenvolver sintomas graves e deixar a vida em “stand by”. Ou seja, seria como se a pessoa ficasse incapaz de produzir qualquer coisa.

Os sintomas tradicionais de síndrome de Burnout incluem:

Cansaço excessivo do corpo e da mente;
Dores de cabeça frequentes;
Perda ou excesso de apetite;
Insônia;
Incapacidade de concentração;
Sentimentos de fracasso;
Insegurança;
Negatividade constante;
Sensação de incompetência;
Alterações repentinas de humor;
Tendência ao isolamento;
Perda da capacidade de produção;
Pressão alta;
Dores pelo corpo;
Problemas gastrointestinais;
Arritmia.

Resumidamente, a síndrome de Burnout se parece em muitos aspectos com depressão e ansiedade crônica. Se não for tratada pode desencadear diversos problemas para a saúde.

As buscas pelo termo “síndrome de Burnout” na internet aumentaram cerca de 122% nos últimos anos. Por isso, separamos algumas dicas para fugir deste mal que afeta milhões de pessoas.

Truques para fugir da síndrome de burnout e conquistar a felicidade de volta
1 – Para de procurar por doenças e busque canais de informação confiável;

2 – Mantenha contato com amigos e familiares, ainda que exija esforço;

3 – Ofereça ajuda para quem necessita;

4 – Procure um psicólogo, ainda que seja online;

5 – Faça atividade física;

6 – Melhore a alimentação;

7 – Leia coisas boas e ótimos livros;

8 – Saia das redes sociais e da internet por, pelo menos, três horas ao dia.

9 – Tente dormir 8 horas à noite.


Com informações do site: editalconcursosbrasil