domingo, 9 de janeiro de 2022

Idosa acorda após ser considerada morta em Cidreira


 


Foto: Reprodução
Uma idosa de 78 anos acordou após ter sido considerada morta em uma unidade de saúde de Cidreira. A senhora Clotilde Rieck, de 78 anos, teve o óbito confirmado após sofrer duas paradas cardíacas.  

O funcionário da funerária que organizava o velório de Clotilde notou que ela estava viva quando foi retirar o corpo do necrotério, no dia 31 de dezembro. Clotilde foi transferida para a Santa Casa de Misericórdia, em Porto Alegre, onde se encontra internada.

Em nota publicada nas redes sociais, a prefeitura de Cidreira informou ter pedido o afastamento da médica que atestou o óbito da mulher. A administração municipal também determinou que a profissional fosse afastada do plantão assim que soube do caso. A prefeitura disse que foi registrado um boletim de ocorrência na Polícia Civil.

Com informações do site: ClicCamaqua