domingo, 9 de janeiro de 2022

Mulher era obrigada a fazer sexo com marido e divulgar vídeos nas redes sociais


 


Foto: Reprodução
Um homem de 53 anos foi preso acusado de forçar a companheira, de 47 anos, a ter relações sexuais com ele e depois obrigá-la a divulgar os vídeos nas redes sociais. A polícia descobriu a história por causa da filha da mulher, que fez uma denúncia.

O caso aconteceu em Caiapônia, no Oeste de Goiás. De acordo com o delegado que investiga o caso, Ramon Queiroz, o acusado já havia mandado as filmagens para um amigo. Ele é suspeito ainda de ameaça de morte contra a mulher, lesão corporal e estupro.

Ainda segundo o delegado, o homem foi preso na última terça-feira (04/01), após a enteada ligar para a polícia e denunciar que ele fazia ameaças de morte contra a mãe. A Polícia Militar foi ao local e conduziu o suspeito até a delegacia de Polícia Civil.

O casal já estava junto há cerca de 10 anos e, conforme as informações, a mulher foi agredida diversas vezes durante o período, para não terminar com o relacionamento. Ramon informou ainda que o homem ficou em silêncio durante todo o interrogatório. Com ele, a polícia apreendeu ainda um celular onde as gravações estavam armazenadas.
 
Caso condenado, o homem pode responder pelos crimes de estupro, lesão corporal e ameaça. Ele já havia sido preso por abusar sexualmente da enteada, quando ela tinha 13 anos.

Com informações do site: br104